twitter.com/viajandodireito facebook.com/viajandodireito linkedin.com/company/1741762 youtube.com/viajandodireito Newsletter RSS UAI

Notícias

23/04/2012

Aumenta o número de malas furtadas em Congonhas e Guarulhos

Em dois dos aeroportos mais movimentados do país, passageiros desatentos têm sido alvos de bandidos que atuam em silêncio e com rapidez. No aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, apenas em janeiro de 2012 foram registrados 103 furtos de bagagens. Em Congonhas, foram outros 18 casos. Em um ano, a polícia prendeu nos dois aeroportos 44 suspeitos de furto e roubo de malas nas áreas de embarque e desembarque. Os 8 milhões de passageiros que circulam por mês nos dois maiores aeroportos de São Paulo devem ficar bem atentos às bagagens. Nos primeiros meses de 2012, cresceu quase 50% o número de malas furtadas sem que os donos percebessem.

Aeroporto de Congonhas, início da madrugada de sábado (13/04): um passageiro com um carrinho encosta no balcão de check-in. Um rapaz se aproxima, espera o momento certo, pega uma maleta com o computador da vítima e vai embora. Não é de hoje que as câmeras dos aeroportos registram a ação das quadrilhas. Em uma loja no Aeroporto de Guarulhos, um passageiro faz compras. Um homem aproveita o descuido e leva a mala. Na livraria, o ladrão disfarça, escolhe a vítima e pega uma bagagem.

Aeroporto é um lugar que exige muita atenção: numero do voo, código da reserva, onde fica o balcão da empresa aérea, a porta de embarque e ainda tem o bendito celular e o inseparável computador. A bagagem, muitas vezes, é esquecida.

Leia aqui as dicas do Viajando Direito para que sua mala não seja roubada ou extraviada

Só no primeiro bimestre de 2012, os furtos nos dois principais aeroportos de São Paulo, Congonhas e Guarulhos, aumentaram 47% em relação ao mesmo período do ano passado. Tem gente mais ligada. Mesmo quando desliga, usa a mala como travesseiro.

Cinquenta policiais vigiam os quatro terminais de Guarulhos. O delegado Ricardo Guanaes diz que o aumento dos furtos está ligado ao maior movimento no aeroporto e que aguarda reforço no policiamento. E dá algumas dicas para os passageiros: “O que é importante é a pessoa vir para o aeroporto atenta. Nunca perdendo o ângulo de visão da sua bagagem. Sempre de frente para sua bagagem, nunca de lado e nunca atrás”, orienta.

Foi o que não fez a família que teve um tablet roubado no banheiro do aeroporto na ida. E na volta: “A gente estava com carrinho, com computador, e, de repente, virando o olhar, desapareceu”, lembra o psicólogo Alexandre Costa.

Fonte: G1

4 comentários

  • Alberto disse:

    A joias da minha esposa foram roubadas no aeroporto de Congonhas apos realizacao de check in. Notei que haviamos sido roubados ao chegar no destino. Quais providencias devo tomar alem do boletim de ocorrencia ? A companhia aerea é responsavel ? Obrigado…

    • viajandodireito disse:

      Prezado Alberto,

      Obrigada pelo contato.
      Estou à disposição para ajudá-lo. Caso tenha interesse me ligue no número (31) 3224.2177

      Atenciosamente,
      Luciana Atheniense

  • PAULA WELTSON disse:

    Prezados,
    Infelizmente tive minha mala furtada.
    Registrei um B.O. no próprio aeroporto.
    Como devo proceder para ser ressarcida do meu prejuízo?
    Att., Paula Weltson

    • viajandodireito disse:

      Prezada Paula,

      Obrigada pelo contato.
      Estou à disposição para ajudá-la. Caso tenha interesse me ligue no número (31) 3224.2177

      Atenciosamente,
      Luciana Atheniense

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze − 9 =

 

Parceiros

Revista Travel 3