twitter.com/viajandodireito facebook.com/viajandodireito linkedin.com/company/1741762 youtube.com/viajandodireito Newsletter RSS UAI

Notícias

20/01/2012

Dicas para uma hospedagem tranquila

A fim de usufruir com maior conforto e tranquilidade a permanência em determinado local em épocade férias, vários consumidores optam em contratar serviços de hospedagem,entretanto devem se precaver, desde a época da contratação, para que a comodidade permaneça durante todo o período de descanso.

Seguem algumas dicas para usufruir de tranquilidade e descanso no período:

– cheque, com antecedência, os serviços de infraestrutura do empreendimento (refeições, lazer, recreação, atrações, sistema de arcondicionado, telefone, cofres, lavanderia etc.), bem como a forma de acesso aolocal (estradas ou ruas asfaltadas, balsas ou barcos, iluminação, sinalizaçãoetc.);

– ao efetuar sua reserva, procure solicitar documento de confirmação porescrito, contendo as formas de pagamento, tipos de acomodação, prazos e multa sem caso de cancelamento;

– ao decidir pelo cancelamento da reserva, comunique ao fornecedor porescrito e com antecedência e exija que seja enviado a você um documento confirmando o recebimento do cancelamento;

– procure estar em posse dos “vouchers” (vale ou comprovante que opassageiro apresenta em hotéis, locadoras, companhias aéreas etc) com antecedência;

– ao chegar ao local de hospedagem, coloque objetos de valor (jóias, dinheiro,documento etc.) no cofre e guarde o comprovante do depósito; saiba que o fornecedor é responsável pelo desaparecimento ou danos em bagagens e objetos dos hóspedes que estejam sob sua guarda;

– informe-se sobre o período que compreende a diária e da eventual possibilidade de prorrogação da estadia.

Caso tenha algum problema na hospedagem que contrarie o serviço assegurado pela empresa, não esqueça de formalizar sua insatisfação em documento próprio que o estabelecimento deve disponibilizar ao hóspede,conforme imposto pela Lei Geral do turismo.

Não esqueça de requisitar uma cópia deste seu relato. Seu direito deverá ser amparado com provas documentais que incluem fotos e mensagens publicitárias veiculadas pela hospedagem.

Não deixe de visitar e conferir as dicas do www.twitter.com/viajandodireito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze − quatro =

 

Parceiros

Revista Travel 3