twitter.com/viajandodireito facebook.com/viajandodireito linkedin.com/company/1741762 youtube.com/viajandodireito Newsletter RSS UAI

Notícias

18/11/2022

O que acontece se eu perder a conexão do voo?

Nesses casos, cabe à companhia aérea favorecer o passageiro em pelo menos duas situações.

Ela deve fornecer a reacomodação em outro voo disponível ou o reembolso integral. Além do reembolso, você tem direito também ao reembolso das taxas.

Para embarcar em outro voo da companhia, ele precisa ter o mesmo destino e escala.

A realocação pode ser feita também por outros meios de transporte, como ônibus ou van.

Além disso, você pode solicitar a reacomodação de voo em outra companhia aérea.

Assistência material

A resolução 400/16 da Anac prevê que a empresa precisa fornecer auxílio material. Isso varia de acordo com o tempo de espera.

A assistência material segue essas regras:

-> Tempo de espera superior a uma hora – direito a meios de comunicação, como internet e telefone

-> Tempo de espera superior a duas horas – alimentação

-> Tempo de espera superior a 4 horas – hospedagem e transporte

Porém, não existe direito a assistência material se o intervalo entre um voo e outro for longo e tudo correr normalmente. Ou seja, sem atrasos e com o embarque do passageiro para o destino.

A resolução 400/16 da Anac prevê que a empresa precisa fornecer auxílio material. Isso varia de acordo com o tempo de espera.

Casos em que não há direito a assistência material

Existe também outra questão importante sobre o que fazer se o voo atrasa e perde conexão.

Se o passageiro decidir remarcar o voo para outra data e horário, não pode haver nenhum custo adicional. Nesse caso, também não há direito a assistência material.

Com a opção de reembolso integral, a companhia também não precisa oferecer assistência material.

Nos casos em que o próprio passageiro estabelece a conexão ao comprar a passagem, não há responsabilidade da empresa aérea por contratempos decorrentes dessa escolha.

Ao montar uma conexão, é preciso que o viajante organize bem os horários. Assim, ele terá tempo de embarcar em cada voo sem maiores problemas.

Se o usuário tiver que se deslocar para outro aeroporto devido à conexão que montou, os riscos são dele nessa situação.

Mas a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) estabelece diversos deveres das companhias

Antes de tudo, o passageiro deve ser informado do problema do voo que poderá trazer transtornos à sua viagem.

Onde reclamar atraso de voo?

Além de saber o que fazer se o voo atrasa e perde conexão, nunca é demais lembrar que essa situação é muito frustrante!

A primeira ideia que passará na cabeça do viajante é fazer uma reclamação. Principalmente quando já se sabe que há direito a assistência material pela espera, além do direito à informação.

No aeroporto, busque o balcão de informações da companhia aérea para relatar o ocorrido e peça uma declaração da empresa. Você pode usar também os canais de comunicação da empresa.

Caso você não consiga ser reacomodado em outro voo ou ser atendido para ter o reembolso, você pode solicitar uma indenização.

e a partir do problema que você teve com o seu voo você perder algum compromisso importante, as chances para ser indenizado são ainda maiores.

Por exemplo, caso você tenha perdido um casamento, evento de formatura, reunião de trabalho e outros.

Há um ponto que merece ser mencionado sobre o que fazer se o voo atrasa e perde conexão.

Para solicitar a indenização, é importante que você não tenha recebido o reembolso da companhia aérea.

O direito a danos morais é válido quando o voo atrasado gera perda de conexão e você chega ao destino com 4 horas de atraso ou mais.

A indenização também é possível se a empresa aérea avisar sobre o problema em menos de 72 horas.

Ainda, se a companhia não der assistência material quando o passageiro tem esse direito, as despesas que o usuário teve devem ser ressarcidas.

E, mesmo que você receba auxílio material, você pode exigir seus direitos posteriormente.

Quanto tempo tenho para reclamar do atraso de voo?

Os prazos para reaver seus direitos por atraso de voo estão descritos no Código de Defesa do Consumidor e em outros instrumentos da legislação brasileira.

Portanto, a lei prevê o que fazer se o voo atrasa e perde conexão, além de outras situações.

Para voos nacionais, esse prazo para fazer uma reclamação é de 5 anos. Ou seja, você terá muito tempo para pedir uma indenização pelo problema no seu voo.

Segundo o art. 27 do CDC, o consumidor tem todo esse período para ser ressarcido se houve prejuízo na prestação do serviço.

No caso de voos internacionais, o prazo é de 2 anos de acordo com a jurisprudência, que segue o entendimento das Convenções de Varsóvia e Montreal.

Quais documentos devo guardar quando o voo atrasa e perde conexão?

Para pedir uma indenização, você precisa reunir todas as provas que conseguir. Guarde os seguintes documentos:

-> Cartões de embarque do voo atrasado e o do novo voo caso tenha havido realocação

-> O e-mail que confirma a realização da compra

-> A declaração emitida pela empresa aérea do ocorrido

-> Fotos ou vídeos do painel no aeroporto

-> Comprovante de gastos

Esses gastos podem ser referentes a transporte, alimentação, hospedagem e outros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dezessete − seis =

 

Parceiros

Revista Travel 3