twitter.com/viajandodireito facebook.com/viajandodireito linkedin.com/company/1741762 youtube.com/viajandodireito Newsletter RSS UAI

Decisões Judiciais

15/02/2016

Passageira é indenizada em R$ 8 mil por atraso de três horas de voo

Um atraso de voo saindo de Bolonha, na Itália, para Lisboa, em Portugal, que provocou a perda de uma conexão em Belo Horizonte fez uma passageira processar a empresa TAP e ganhar uma indenização no valor de R$ 8 mil. A informação foi publicada no site do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).

O problema aconteceu no dia 19 de novembro de 2010. O voo sairia às 11h20 de Bolonha, porém sofreu um atraso que causou a perda da conexão para Belo Horizonte. A mulher só conseguiu embarcar para a capital mineira no dia seguinte.

A empresa aérea se defendeu sob o argumento de que o atraso ocorreu por fatores operacionais, todavia os passageiros foram realocados no voo seguinte, de maneira a evitar ao máximo os transtornos. O juiz da 10ª Vara Cível de Belo Horizonte, no entanto, entendeu que ficou caracterizado o dano moral e fixou a indenização em R$ 4 mil.

Fonte: O Tempo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco − quatro =

 

Parceiros

Revista Travel 3