twitter.com/viajandodireito facebook.com/viajandodireito linkedin.com/company/1741762 youtube.com/viajandodireito Newsletter RSS UAI

Notícias

17/01/2018

Dose fracionada da vacina contra a febre amarela não garante certificado internacional

O Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) contra a febre amarela só será concedido aos brasileiros que tomarem a dose padrão, de 0,5 ml. O alerta é da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O órgão destaca, ainda, que não emitirá o CIVP para quem apresentar o comprovante de vacinação com a dose fracionada (0,1 ml), que está em desacordo com as normas internacionais.

A orientação para quem vai viajar para países que exigem a documentação com a dose padrão é apresentar a passagem aérea ou reservas de viagem para consegui-la. Ao todo, são 135 países. De acordo com o Ministério da Saúde, para entrar no Brasil não é exigido o CIVP.

Confira aqui mais informações detalhadas do Ministério da Saúde sobre a vacina da febre amarela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − treze =

 

Parceiros

Revista Travel 3