twitter.com/viajandodireito facebook.com/viajandodireito linkedin.com/company/1741762 youtube.com/viajandodireito Newsletter RSS UAI

Notícias

18/09/2018

Aeroportos: contaminação das bandejas no raio-x

Por Luciana Atheniense

Um recente estudo realizado no Aeroporto Helsinki, na Finlândia, constatou que as bandejas da área de segurança possuem mais germes do que os banheiros dos aeroportos.

As bandejas de plásticos são utilizadas pelos passageiros, nos aeroportos de todo o mundo, para nelas depositarem seus sapatos, laptops, bagagens e outros itens para serem submetidos à inspeção por raios x.

Os testes identificaram a presença de vários germes nessas bandejas, inclusive o rinovírus, que é a base para o resfriado e o vírus da influenza. Nenhum desses vírus foi encontrado na superfície dos vasos sanitários dos aeroportos, segundo os pesquisadores.

Essa pesquisa, que foi publicada no periódico BMC Infectious Diseases, cientistas da Universidade de Nottingham, na Inglaterra, e do Instituto Nacional de Saúde e Bem-Estar da Finlândia, analisaram em quais superfícies os passageiros mais se apoiam fisicamente nos aeroportos. A proposta desse estudo é aumentar a conscientização sobre como os vírus se espalham em locais públicos.

“A presença de micróbios no ambiente do aeroporto nunca tinha sido investigada antes”, afirmou a especialista em virologia do Instituto Finlandês, Niina Ikonen, em entrevista ao jornal The New York Times.

Diante desse resultado, os pesquisadores sugerem que os viajantes lavem bem as mãos e espirrem em lenços ou na manga da roupa. “Essas precauções simples podem ajudar na prevenção de pandemia e são ainda mais importantes em áreas lotadas, como aeroportos, que contam com um grande volume de pessoas viajando de e para diferentes lugares do mundo”, completou o professor de proteção da saúde Jonathan Van-Tam, da Universidade de Nottingham.

Desconheço se em nosso país já foi realizada alguma pesquisa sobre esse tema nos aeroportos. Entretanto, acredito que as orientações desses especialistas com o intuito de prevenir a propagação de vírus possam servir de alerta para todos nós, independentemente do local e de nosso destino aéreo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − 14 =

 

Parceiros

Revista Travel 3