twitter.com/viajandodireito facebook.com/viajandodireito linkedin.com/company/1741762 youtube.com/viajandodireito Newsletter RSS UAI

Notícias

08/09/2015

Delta planeja indenizar passageiro se seu voo atrasar mais do que American e United

A Delta Air Lines anunciou que pretende criar um novo programa, que parece ser interessante e inovador. A empresa pagará uma indenização ao cliente corporativo caso fique atrás das American e United nos quesitos pontualidade e regularidade.

Caso as concorrentes venham a ter um desempenho melhor do que a Delta no período de um ano, a companhia pretende oferecer créditos de US$ 1 mil a US$ 250 mil aos clientes corporativos com contrato. O pagamento será maior para o passageiro que sofrer mais com atrasos e cancelamentos de voos.

Em entrevista à Bloomberg Business, o vice-presidente de Vendas Global da Delta Air Lines, Bob Somers, disse que a empresa é focada na eficiência e no sucesso operacional: “Qualquer companhia aérea pode replicar o que fazemos, seja no estilo e conforto dos assentos, seja nos alimentos oferecidos a bordo. O que elas não podem copiar é o nosso desempenho”.

No entanto, alguns especialistas do setor acusaram a Delta de estar praticando apenas uma jogada de marketing, primeiro por ter adotado um critério de comparação anual, segundo pelo fato da empresa ter excluído da análise os voos internacionais e as concorrentes regionais com melhor desempenho em regularidade, Alaska e Haiwaiian Airlines.

Apesar da pontualidade e da regularidade não serem mais um problema crítico no Brasil, seria interessante ver uma iniciativa semelhante por aqui. Afinal, quando o passageiro atrasa e perde o voo, ele pode acabar severamente punido com multas e diferenças de tarifa exorbitantes.

De acordo com um estudo da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR), em 2014, as companhias aéreas brasileiras obtiveram pontualidade de 85% em voos domésticos, considerando partidas realizadas em até no máximo 15 minutos depois do horário programado. Isso representa um desempenho superior ao das empresas norte-americanas nos voos domésticos realizados nos Estados Unidos, que registraram pontualidade de 78% em 2014.

O resultado é também discretamente melhor em relação a 2013, quando o índice registrado foi de 84%. O levantamento de pontualidade consolida os indicadores operacionais das empresas Avianca, Azul, GOL e TAM e tem como base os registros da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e do Departamento de Transportes (DOT), dos Estados Unidos.

Fonte: Melhores Destinos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + seis =

 

Parceiros

Revista Travel 3